sábado, 20 de outubro de 2018

O tempo de cantar

Há momentos que nossa vida parece um lindo jardim florido com um gramado verde e árvores frutíferas. 
Mas há momentos que nossa vida parece um jardim sem flores, sem folhas verdes e sem frutos, e que simplesmente mais nada de bom acontecerá.

Então... vamos aprender com a natureza, onde no momento certo as folhas da árvore caem, não para que a árvore morra, mas para que se renove. Quem tem um pé de roseira sabe que é necessário podá-la, e ainda que essa poda pareça dolorosa para ela, é necessária para que se revigore e venha a dar rosas, esbanjando sua beleza e exalando sua doce fragrância. E ao ouvir o canto dos pássaros em toda a ocasião aprendemos a importância de também cantarmos.

E assim quando as circunstâncias da vida nos parecer dura, que venhamos a refletir que assim como a natureza sofre processos com a finalidade de ser renovada, nós também passamos por processos muitas vezes até dolorosos, onde o amadurecimento deve ser um fruto a ser colhido no jardim da nossa existência.

Devemos crer que assim como o Senhor é poderoso para fazer chover, molhar a terra seca e fazê-la produzir frutos... Ele cuida também de nós, pois não quer que nenhum de nós pereça. Então no tempo da angustia não devemos abandonar nossa confiança no Senhor, pois só pelo fato de confiarmos Nele já somos galardoados.
Em quem esperar se não for no Senhor? 
Que tenhamos sempre o desejo ardente de nunca abandonar nossa fé. Confiar em Deus no pior momento da nossa vida é uma nobre atitude. Temos o conhecimento que Ele está conosco a todo o momento, por isso não devemos nos mostrar frouxo no dia da angustia.

 “E o SENHOR te guiará continuamente, e fartará a tua alma em lugares áridos, e fortificará os teus ossos; e serás como um jardim regado, e como um manancial, cujas águas nunca faltam.” Isaías 58.11

Quando confiamos nossa vida a Cristo somos guiados por Ele continuamente, por isso é
importante estarmos sensíveis ao que Ele diz na Sua Palavra. E ainda que estejamos passando por momentos onde o clima árido (incultivável e infrutífero) está predominante, temos nossas necessidades supridas e somos fortalecidos por Ele. Pois é Ele que “abre rios nas colinas estéreis e fontes nos vales. Transforma o deserto num lago, e o chão seco em mananciais.” (Isaías 41.18)

Então...

“Aparecem flores na terra, e chegou o tempo de cantar; já se ouve em nossa terra o arrulhar dos pombos.” Cântico 2.12

O tempo de cantar representa um tempo de respostas e o cristão demonstra sua gratidão a Deus também com cânticos espirituais, reconhecendo os grandes feitos do Senhor em sua vida. Mas independente da situação, motivo não nos falta para engrandecer o nome do Senhor.
 
Que durante nossa existência, na abundância ou na escassez, cada um de nós venha a exalar o bom perfume de Cristo a todo o tempo, sempre fazendo a diferença na sociedade em que vivemos, exaltando e glorificando ao nosso Criador.

 Que o nosso tempo de cantar seja hoje e sempre.

Que Deus vos abençoe!

Neiva Silva
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...